Início de área de conteúdo!--a11y-->

Documentação de função Classificação contábil adicional 

Utilização

Se a Contabilidade do imobilizado for usada em conjunto com a contabilidade de custos e/ou o Razão FI, as seguintes classificações contábeis adicionais serão possíveis dependendo da transação contábil a ser lançada:

·  Divisão

·  Centro de custo/ordem interna

·  Objeto de imóveis

·  Elemento PEP

·  Centro de lucro

·  Centro financeiro/item de plano financeiro (consultar Controle de orçamento por meio de ordens estatísticas ou elementos PEP)

Para informações detalhadas sobre classificações contábeis adicionais na contabilidade de fundos, consultar a seção "Contabilidade de Fundos".

Características

Divisão

Todas as modificações nos valores do imobilizado (CAP) também podem ser lançadas automaticamente no nível de divisão. No entanto, há um pré-requisito. É necessário especificar para a empresa que os balanços de divisão serão criados. O sistema determina a divisão a ser lançada para cada lançamento. O sistema faz essa determinação com base na divisão entrada no registro mestre do imobilizado e transfere essa informação à Contabilidade financeira para o lançamento automático.

Centro de custo/ordem interna

É possível efetuar classificação contábil das seguintes transações contábeis (contas do Razão) ao centro de custo entrado no registro mestre do imobilizado ou à ordem interna entrada no registro mestre do imobilizado:

·  Perda por sucata

·  Lucro/perda por baixas

·  Compensação/despesas de reembolso de uma medida de subvenção ao investimento (como resultado de baixa)

·  Rendimento de incorporação posterior

·  Rendimento de reavaliações do ativo (todos os tipos de depreciação)

·  As modificações em valores do balanço patrimonial também podem ser atualizadas estatisticamente.

As condições necessárias para a classificação contábil adicional a CO estão relacionadas abaixo:

·  Um centro de custo ou ordem interna deve ser entrada nos dados mestres do imobilizado (na seção de “dados dependentes de tempo”).

·  A variante de status do campo da empresa/contas do imobilizado deve permitir classificação contábil adicional para o centro de custo/ordem interna como uma entrada opcional (Customizing de FI: Configurações globais de contabilidade financeira ® Documento ® Partida individual ® Controles).

·  No Customizing de Contabilidade do imobilizadoda classificação contábil, é necessário permitir a atualização do objeto de classificação contábil (neste caso, o centro de custo). É possível fazer esta configuração por empresa, área de avaliação, tipo de movimento e tipo de lançamento (CAP ou depreciação).

·  É necessário que a conta do Razão tenha sido configurada como uma classe de custo no CO.

Gráfico: Classificação contábil para CO

Atenção

Se uma classificação contábil adicional for entrada para uma ordem e para um centro de custo ao mesmo tempo, a ordem terá precedência (isto é, não haverá classificação contábil para o centro de custo). No entanto, a ordem não prevalece se for uma ordem estatística. Se a ordem for estatística, a classificação contábil para a ordem estatística e para o centro de custo será possível.

Centro de lucro

Quando a Contabilidade de centros de lucro também estiver ativa, o sistema lançará a classificação contábil adicional das transações contábeis acima a centros de lucro. O sistema determina o centro de lucro a ser lançado através do centro de custo especificado no registro mestre do imobilizado. As necessidades adicionais para classificação contábil a um centro de lucro estão detalhadas a seguir:

·  A variante de status do campo das contas de conciliação correspondentes na Contabilidade financeira deve permitir classificação contábil adicional para os centro de lucro (Customizing de FI: Configurações globais de contabilidade financeira ® Documento ® Partida individual ® Controles).

·  O centro de lucro é derivado de objetos de classificação contábil. Por isso, não é permitido que o status do campo desses objetos seja ocultado.

·  O centro de lucro só pode ser derivado de objetos aos quais a classificação contábil também é feita. Essas configurações são feitas no Customizing da classificação contábil adicional (Contabilidade do imobilizado ® Integração com o Razão ® Objetos de classificação contábil adicional). Desse modo, é possível fazer configurações diferentes, particularmente para áreas de avaliação diferentes e tipos de classificação contábil diferentes (assim como CAP, depreciação).

·  O objeto de classificação contábil, do qual o centro de lucro deve ser derivado, tem de ser atribuído a um centro de lucro.

·  As contas correspondentes (classes de custo) na contabilidade do centro de custo devem ser definidas usando o tipo de classe de custo Classe de receita.

Exemplo

Durante o lançamento de depreciação, deseja-se que o centro de lucro, derivado do centro de custo, também seja lançado na área de avaliação 01. Entretanto, não se deseja a classificação contábil do próprio centro de custo.

Para que isso aconteça, o status do campo da conta envolvida não pode ser ocultado (suprimido) para a classificação contábil adicional ao centro de lucro e ao centro de custo. Além disso, a área de avaliação 01 deve permitir a classificação contábil da depreciação a centros de custo do tipo de movimento que é usado. Contudo, não é permitido que a conta seja uma classe de custo.

Classificação contábil de depreciação e juros

A depreciação e os juros podem ser lançados em todos os objetos de CO listados acima. O programa de lançamento de depreciações faz a classificação contábil dos objetos de classificação contábil entrados no registro mestre do imobilizado.

As configurações dos objetos de classificação contábil são efetuadas e os objetos são relacionados às áreas de avaliação, no Customizing (de Contabilidade do imobilizado ® Integração com o Razão ® Objetos de classificação contábil adicional).

Também é possível lançar depreciação e juros nos centros de custo se a contabilidade de custos aplicável a várias empresas estiver sendo usada. Isso significa que a empresa do imobilizado não deve ser necessariamente a mesma empresa do centro de custo. Para informações detalhadas, consultar Atribuição para centro de custo

Distribuição de depreciação e juros

Só é possível entrar um centro de custo no registro mestre do imobilizado. A única maneira de distribuir a depreciação e os juros a diferentes centros de custo é usar a liquidação dentro da contabilidade de custos. O centro de custo no registro mestre do imobilizado faz a função de um centro de custo de distribuição.

A desvantagem desta abordagem é que os relatórios mostram apenas o centro de custo de distribuição e não os centros de custo que são realmente debitados. Além disso, é necessário entrar um centro de custo separado para a distribuição. Uma abordagem diferente seria seguir este procedimento:

·  Determinar o centro de custo que deve ser mostrado nos relatórios do imobilizado como o centro de custo do imobilizado. Entrar este centro de custo no registro mestre do imobilizado.

·  Entrar uma ordem interna no registro mestre do imobilizado. O sistema lança a essa ordem quando a depreciação é lançada. O sistema não lança no centro de custo.

·  Liquidar a ordem interna de "distribuição" para os centros de custo que desejar debitar.

Classificação contábil para tipo de atividade

É possível entrar um tipo de atividade no registro mestre do imobilizado junto com o centro de custo. Quando um tipo de atividade é entrado, todos os débitos que têm classificação contábil ao centro de custo são também lançados automaticamente no tipo de atividade. O único requisito prévio é que o Customizing do componente CO seja configurado para classificação contábil de lançamentos reais a tipos de atividades.

 

 

 

 

Fim de área de conteúdo