Empréstimos em moeda estrangeira 

Definição

Os empréstimos em moeda estrangeira são empréstimos concedidos ou obtidos para os quais a moeda do contrato é diferente da moeda interna (moeda da empresa/balanço)

Utilização

Avaliação de moeda estrangeira para uma data fixada (balanço)

Essa função pode ser usada para

Avaliação de empréstimos em moeda estrangeira para avaliar o capital residual para as posições do empréstimo em qualquer data fixada (incluindo datas passadas). É possível executar a avaliação tanto para os empréstimos concedidos quanto para os obtidos.

Para cada um dos empréstimos selecionados, o sistema determina os valores de aquisição, contábil e real na moeda do contrato e na moeda interna. Como resultado das flutuações da taxa de câmbio, o valor contábil do sistema difere do valor real na moeda interna, produzindo um ganho ou perda de câmbio não realizado (montante de aumento ou redução). O sistema gera e lança um registro de movimento para esse ganho ou perda não realizado.

A forma como o montante a ser aumentado/reduzido é calculado depende do princípio de avaliação definido (por exemplo, Data fixada apreciação/depreciação de valor). Um método de avaliação compreende o método de avaliação e as regras para aumento/redução.

  • Para avaliar as posições do empréstimo, é preciso selecionar o método de avaliação em uma etapa no Customizing (IMG: Administração de tesouraria
® Funções básicas ® Contabilidade ® Avaliação ® Definir princípios de avaliação em uma etapa). Esse método é usado porque somente um valor (a taxa de câmbio) é usado para calcular o aumento ou redução, ao invés de muitos (como seria o caso das avaliações de títulos no estrangeiro, nas quais tanto a taxa de câmbio quanto o preço do título têm de ser levados em consideração).
  • Depois de definir o método de avaliação, deve-se definir as regras para cálculo de perda ou ganho (por exemplo, sem avaliação de perdas, avaliação de perdas até o valor da data fixada, avaliação de ganhos até o valor de aquisição, avaliação de ganhos até o valor da data fixada). É possível definir vários princípios de avaliação usando combinações diferentes.
  • Uma redução na posição por causa de uma reavaliação (aumento) representa uma taxa de perdas para os empréstimos concedidos e uma taxa de ganhos os empréstimos obtidos. Um aumento na posição por causa de uma reavaliação (aumento) representa uma taxa de ganhos para os empréstimos concedidos e uma taxa de perda para os empréstimos obtidos.

    Cálculo de perdas/ganhos na taxa de conversão para saída de posição

    No caso de uma saída de posição (por exemplo, um reembolso), o sistema calcula, automaticamente, a taxa de perdas ou ganhos para empréstimos em moeda estrangeira quando é gerado o movimento de caixa. Ele determina os ganhos ou perdas realizados por meio do cálculo da diferença entre o valor contábil em moeda interna (proporcionado pela saída de posição) e o valor real desta saída da posição em moeda interna. Esses ganhos ou perdas aparecem no movimento de caixa.

    Se uma avaliação de moeda estrangeira foi executada antes da saída, o sistema calcula não apenas os ganhos ou perdas de taxa mas também o montante de conversão (ou seja, as avaliações já executadas para a posição em proporção à saída da posição). No movimento de caixa, o sistema gera registros de movimento para ganhos ou perdas de taxa e para o montante da conversão.

    O ganho ou perda "efetiva" no valor de aquisição original é calculada por meio da inclusão do montante de conversão ao ganho de taxa.

    Exemplo

    Avaliação de um empréstimo concedido

    Seqüência de tempo

    Dados

    Explicações

    Posição do empréstimo em DDMMAA

    USD 100/DM 180

    Valor contábil em moeda estrangeira e interna

    Avaliação em DDMMAA

    Taxa de câmbio atual

    Valor contábil – valor atual = resultado da avaliação

     

    USD/DM 1,70

    USD 100/DM 180 - USD 100/DM 170 = USD 0/DM 10

    A avaliação conduz a uma diminuição na posição do empréstimo (redução); existe uma perda de taxa não realizada no montante de USD 0/DM 10.

    Avaliação em DDM+1AA

    Taxa de câmbio atual

    Valor contábil – valor atual = resultado da avaliação

     

    DM 1,90/USD

    USD 100/DM 170 - USD 100/DM 190 = USD 0/DM -20

    A avaliação conduz a uma elevação na posição do empréstimo (aumento); existe um ganho de taxa não realizado no montante de USD 0/DM 20.

     

    Avaliação de um empréstimo obtido

    Seqüência de tempo

    Dados

    Explicações

    Posição do empréstimo em DDMMAA

    USD 100/DM 180

    Valor contábil em moeda estrangeira e interna

    Avaliação como em DDMMAA

    Taxa de câmbio atual

    Valor contábil – valor atual = resultado da avaliação

     

    DM 1,70/USD

    USD 100/DM 180 - USD 100/DM 170 = USD 0/DM 10

    A avaliação conduz a uma diminuição na posição do empréstimo (redução); existe um ganho de taxa não realizado no montante de USD 0/DM 10.

    Avaliação como em DDM+1AA

    Taxa de câmbio atual

    Valor contábil – valor atual = resultado da avaliação

     

    DM 1,90/USD

    USD 100/DM 170 - USD 100/DM 190 = USD 0/DM -20

    A avaliação conduz a uma elevação na posição do empréstimo (aumento); existe uma perda de taxa não realizada no montante de USD 0/DM 20.

     

    Avaliação seguida pela saída de posição (empréstimo concedido)

    Seqüência de tempo

    Dados

    Explicações

    Posição do empréstimo em DDMMAA

    USD 100/DM 180

    Valor contábil em moeda estrangeira e interna

    Avaliação como em DDMMAA

    Taxa de câmbio atual

    Valor contábil – valor atual = resultado da avaliação

     

    DM 1,70/USD

    USD 100/DM 180 - USD 100/DM 170 = USD 0/DM 10

    A avaliação conduz a uma diminuição na posição do empréstimo (redução); existe uma perda de taxa não realizada no montante de USD 0/DM 10.

    Amortização em DDM+1AA

    Taxa de câmbio atual

    Proporcional:
    Valor contábil – saída de posição
    = ganhos/perdas de taxa

    20 USD

    DM 1,90/USD


    USD 20/DM 34 - USD 20/DM 38 = USD 0/DM -4

    Como resultado do reembolso na taxa de câmbio atual, existe uma saída de posição no montante de USD 20/DM 38. O ganho de taxa não realizado é de DM 4.

    Saldo das avaliações realizadas

    Proporção do saldo da avaliação para a saída de posição de USD 20.

    USD 0/DM 10

    USD 0/DM 2

    O montante da conversão, que representa uma perda de taxa, é de DM 2.

     

    Avaliação seguida pela saída de posição (empréstimo obtido)

    Seqüência de tempo

    Dados

    Explicações

    Posição do empréstimo em DDMMAA

    USD 100/DM 180

    Valor contábil em moeda estrangeira e interna

    Avaliação como em DDMMAA

    Taxa de câmbio atual

    Valor contábil – valor atual = resultado da avaliação

     

    DM 1,70/USD

    USD 100/DM 180 - USD 100/DM 170 = USD 0/DM 10

    A avaliação conduz a uma diminuição na posição do empréstimo (redução); existe um ganho de taxa não realizado no montante de USD 0/DM 10.

    Amortização em DDM+1AA

    Taxa de câmbio atual

    Proporcional:
    Valor contábil – saída de posição
    = ganhos/perdas de taxa

    20 USD

    DM 1,90/USD


    USD 20/DM 34 - USD 20/DM 38 = USD 0/DM -4

    Como resultado da amortização na taxa de câmbio atual, existe uma saída de posição no montante de USD 20/DM 38. A perda de taxa não realizada é de DM 4.

    Saldo das avaliações realizadas

    Proporção do saldo da avaliação para a saída da posição de USD 20.

    USD 0/DM 10

    USD 0/DM 2

    O montante da conversão, que representa um ganho de taxa, é de DM 2.

    É possível calcular os ganhos/perdas de taxa efetiva (=ganhos ou perdas de taxa para a saída de posição em relação ao valor de aquisição) de duas formas:

    • Calcular o valor de aquisição em moeda interna (taxa de câmbio DM 1,80/USD). O valor de aquisição proporcional em relação à saída de posição de USD 20 é: USD100/DM 180 à USD 20/DM 36.

    A saída de posição na taxa de câmbio atual (DM 1,90/USD) é de USD 20/DM 38.

    A diferença entre a saída de posição e o valor de aquisição em moeda interna (proporcional à saída de posição) é uma perda/ganho efetivo no montante de DM 2:
    DM 38 – DM 36 = DM 2.

    • O saldo total dos ganhos ou perdas de taxa e o montante da conversão produzem um ganho/perda de taxa efetiva no montante de DM 2:
      DM 4 – DM 2 = DM 2