Select language:

Preço-padrão com estoques avaliados de ordem do cliente 

Utilização

Se um estoque avaliado da ordem do cliente estiver sendo usado, muitas vezes não é possível derivar um preço-padrão de um cálculo de custos planejados para o material. O preço-padrão é determinado de acordo com as opções na classe de necessidades.

Pré-requisitos

As opções para a avaliação do estoque para ordem do cliente são feitas no Customizing do Controlling por ordem do cliente, em Controle de produção por ordem de cliente

® Verificar classes de necessidade.

O campo Avaliação controla se o estoque para ordem do cliente é:

  • Avaliado (sem entrada)
  • Avaliado separadamente com referência ao documento de vendas/projeto (entrada "M")

Neste caso, o preço-padrão é atualizado em um segmento de estoque para materiais de necessidade individual. A determinação do preço-padrão depende da configuração no campo Sem estratégia de avaliação na classe de necessidade. Os preços e valores do estoque são mostrados no estoque para ordem do cliente (consultar também:

Como exibir estoques especiais avaliados).
  • Avaliado sem referência ao documento de vendas (entrada "A")

Neste caso, o estoque avaliado da ordem do cliente é avaliado juntamente com o estoque de produção. A avaliação usa o preço para o material para estoque. Os preços e valores do estoque são mostrados no registro mestre de materiais.

Conjunto de funções

Esta seção descreve a avaliação separada de materiais de necessidade individual com referência ao documento de vendas/projeto (entrada "M" no campo Avaliação da classe de necessidade).

O estoque para ordem do cliente ou o estoque para projeto é avaliado no momento da primeira entrada de mercadorias do material de necessidade individual.

O preço-padrão é determinado no valor em que foi feita a primeira entrada de mercadorias para estoque. Isso significa que a determinação de preço-padrão depende diretamente da avaliação das entradas de mercadorias. Para materiais de necessidade individual fabricados internamente, a maneira como o preço para avaliação da primeira entrada de mercadorias é determinado na classe de necessidade é controlada com o código Sem estratégia de avaliação.

Para materiais de necessidade individual supridos externamente, o preço líquido do pedido é atualizado como o preço-padrão.

Os segmentos de estoque dos materiais de necessidade individual podem ser exibidos no menu Administração de estoques. Um requisito é que a avaliação seja feita com referência ao item de documento de vendas e distribuição.

Deve-se especificar na classe de necessidade, com o código Sem estratégia de avaliação, como os materiais de necessidade individual produzidos internamente são avaliados:

  • De acordo com o preço-padrão do material para estoque.

Isso é recomendado quando um material é produzido para o estoque de produção e para o estoque avaliado da ordem do cliente.

  • Segundo uma seqüência de estratégias predefinida

Somente os custos marcados como relevantes para a avaliação do balanço no cálculo de custos são relevantes para avaliação de estoque. Essa estratégia de avaliação também se aplica a redes de ordens e hierarquias de objetos de custo e em produção conjunta.

  • O sistema lê o preço-padrão do segmento de estoque do material de necessidade individual (
consultar também : Como exibir estoques especiais avaliados). O segmento de estoque tem um preço-padrão apenas se as mercadorias tiverem sido recebidas. A primeira entrada de mercadorias resulta em uma avaliação com base em uma das estratégias subseqüentes na seqüência especificada. Um preço-padrão marcado por meio de uma das estratégias subseqüentes é copiado para a estratégia e serve como a base de avaliação deste ponto em diante. Esse valor só pode ser modificado manualmente.

Não é possível exibir ou modificar manualmente a visão de cálculo de custos ou a visão de contabilidade do segmento de estoque especial (para materiais, ordem do cliente ou item de documento de vendas e distribuição).

  • O sistema calcula o preço-padrão com base na exit de cliente COPCP002 Avaliação de material para estoque avaliado da ordem do cliente.

Recomenda-se uma exit de cliente nos seguintes casos:

    • Quando não se quer criar um cálculo de custos da ordem do cliente, por motivos de desempenho ou porque a criação de cálculos de custos da ordem do cliente envolve muito empenho
    • Quando não se quer usar um cálculo preliminar de custos para a ordem de produção ou processo como a base para a avaliação de preço-padrão, por exemplo, porque se está usando ordens planejadas na produção repetitiva
    • Quando não existe cálculo de custos planejados para o material

A exit de cliente pode ser usada, por exemplo, para avaliar os materiais de necessidade individual com base nos componentes de uma ordem planejada na produção repetitiva (consultar também:

Processos logísticos e objetos de custo marcados; Coletores de custos do produto na produção por ordem do cliente).

Para obter mais informações, ler a documentação sobre a exit de cliente.

  • O sistema determina o preço-padrão com base em um
cálculo de custos da ordem do cliente ou cálculo de custos de lista técnica da ordem. Um cálculo de custos da ordem do cliente pode usar o método cálculo de custo unitário ou cálculo de custos do produto. Os cálculos de custos de lista técnica da ordem usam o método cálculo de custos do produto.

Também é possível usar o cálculo de custo unitário para modificar um cálculo de custos com estrutura quantitativa para o cálculo de custos da ordem do cliente.

Se houver um estoque avaliado da ordem do cliente e para calcular o preço-padrão em um cálculo de custos da ordem do cliente, esse deve ser marcado.

Se houver um estoque avaliado da ordem do cliente e para calcular o preço-padrão em um cálculo de custos de lista técnica da ordem, esse deve ser marcado.

Um cálculo de custos da ordem do cliente pode incluir os custos de vendas e de administração no cálculo do custo de produtos vendidos. Os custos são transferidos da visão dos elementos de custo Custo de produtos vendidos para o tipo de condição.

Os custos de vendas e de administração não são relevantes para a avaliação de estoque. Eles não são usados no sistema R/3 para avaliar um estoque para ordem do cliente porque o sistema inclui na especificação do item apenas os itens que são relevantes para a avaliação de estoque.

Em comparação a quando um cálculo de custos planejados para um material está marcado, o status MARCADO em um cálculo de custos da ordem do cliente não grava o valor calculado no segmento do estoque para ordem do cliente. Uma vez gravado o preço-padrão no segmento de estoque de um material de necessidade individual, esse preço só pode ser modificado manualmente. Se o preço-padrão já foi calculado pela exit de cliente acima, nenhum cálculo de custos da ordem do cliente criado subseqüentemente pode sobregravar esse preço-padrão.

Como o valor planejado não é gravado no segmento de estoque do material de necessidade individual até depois da primeira entrada de mercadorias, pode-se determinar os custos que desejar até a primeira entrada de mercadorias. O cálculo de custos atual com o status VO (marcado) é usado para avaliar o material no momento da entrada de mercadorias.

Se um novo cálculo de custos com o status VO (marcado) for criado após a primeira entrada de mercadorias, talvez se não saiba mais como foi realizado o cálculo do preço para a avaliação da entrada de mercadorias. O sistema relata um desvio de preço interno no caso de um cálculo de desvios no processo de encerramento do período.

Se o status do cálculo de custos da ordem do cliente não for VO (marcado) ou se não existir um cálculo de custos da ordem do cliente, o preço-padrão é determinado pela estratégia descrita a seguir.

Especificar que o status VO (marcado) seja definido automaticamente no Customizing do Controlling de custos do produto, em Contabilidade de objetos custo Controlling por ordem do cliente Controle da produção por ordem do cliente Verificar classes de necessidade, entrando B no código ID cálculo de custos

. Isso é particularmente recomendado em ambientes de produção em massa com base em ordens do cliente, pois configurar o status manualmente envolveria muito esforço.
  • O sistema determina o preço-padrão usando o cálculo de custos de ordem de produção ou os custos planejados para o elemento PEP. Caso existam múltiplas ordens de produção para o mesmo item de documento de vendas e distribuição devido a entregas parciais, o sistema usa o preço-padrão resultante da ordem de produção que fizer a entrega primeiro (consultar a estratégia 1).

Se nenhum cálculo preliminar de custos foi executado, o preço-padrão é determinado com base na seguinte estratégia.

  • Se um material for produzido para o estoque de produção e para o estoque avaliado da ordem do cliente, o sistema lê o registro mestre do material de necessidade coletiva. O preço-padrão no registro mestre do material de necessidade coletiva pode ter sido calculado de maneiras diferentes, como em um cálculo de custos planejados.

Se for calculado o preço-padrão em um cálculo de custos do produto para o material ou para o item de documento de vendas e distribuição, o sistema gera uma estratificação de custos planejados de acordo com os elementos de custo que podem ser transferidos para a Demonstração de resultados (CO-PA).

No release 4.0A, pode-se transferir uma estratificação de custos planejados calculados em um cálculo de custos da ordem do cliente para a Demonstração de resultados. A transferência é definida no Customizing da Demonstração de resultados em Dados mestre

® Avaliação ® Cálculo de custos do produto ® Definir acesso ao cálculo de custos do produto com o código Transferir cálculo de custos da ordem do cliente.

Um requisito aqui é calcular os custos planejados para o cálculo de custos de ordem do cliente em um cálculo de custos do produto.

Se o preço-padrão for calculado em um cálculo preliminar de custos da ordem de produção ou for usado o preço no registro mestre de materiais, não se pode transferir estratificações de custos para a Demonstração de resultados.

Se os custos planejados forem calculados em um cálculo de custo unitário ou processados posteriormente um cálculo de custos do produto com custo unitário, não se podem transferir estratificações de custos para a Demonstração de resultados.

Se uma entrada de mercadorias for cancelada, o preço-padrão atualizado pela primeira entrada de mercadorias continua válido. O cancelamento da entrada de mercadorias cancela apenas o movimento de mercadorias, não a atualização do preço-padrão. Uma nova entrada de mercadorias não sobregrava o preço-padrão existente.

Se uma entrada de mercadorias for cancelada e, em seguida, criado e marcado um novo cálculo de custos da ordem do cliente, por exemplo, esse cálculo de custos não é usado para avaliação. No entanto, esse cálculo de custos é usado para determinar o desvio total do cálculo de custos teóricos. O sistema relata a diferença entre o valor total do novo cálculo de custos da ordem do cliente e o preço-padrão como um desvio de preço interno (conforme descrito acima).Consultar também:

Desvios com estoque avaliado da ordem do cliente.

Se o preço-padrão para o material for calculado em um cálculo de custos planejados, os custos são atualizados não somente como um total mas, também são divididos entre custos fixos e variáveis. Isso permite que os custos fixos e variáveis para as atividades internas e para os custos indiretos sejam levados em conta quando o material é produzido.

Consultar também:

Para obter informações sobre avaliação de fornecimento para estoque, consultar a seguinte seção:

Estoque avaliado da ordem do cliente: avaliações

Para obter mais informações sobre os tópicos relacionados, consultar as seguintes seções:

Cálculo de custos planejados no Controlling por ordem do cliente, especialmente Cálculos de custos da ordem do cliente

Relatório de comprometimentos de recursos em estoque

Redes de ordens Hierarquias de objetos de custo

Para obter informações sobre cálculos de custos planejados para materiais e estratificações de custos planejados, consultar o documento Planejamento de custos do produto.

Para usar a exit de cliente COPCP002, consultar a documentação sobre exits de cliente em BC Modificando o padrão SAP.